Trios arrastam multidão no segundo dia de Carnaval

Ligado . Publicado em Juazeiro

thumbnail 2º Dia Circuito ISangalo 48O segundo dia do carnaval de Juazeiro foi marcado por trios pipoca e grande multidão no polo Ivete Sangalo. A diversidade musical se fez presente com axé, forró e pagode invadindo a avenida.  Entre as atrações que desfilaram pelo circuito, as bandas Psirico, Denny (ex-Timbalada), Mameto, Sérgio do Forró, Alan Cléber, Cristian Marques, Mateus Torres e outros.

O primeiro trio entrou na Avenida Adolfo Viana - Polo Ivete Sangalo, ao som dos clássicos do Chiclete com Banana com a banda Voa Voa que agitou os foliões e deu início a mais um dia de festa. As marchinhas de carnaval chegaram à avenida levadas pelo bloco Love Louco. Sérgio do Forró colocou todo mundo para dançar ao som da sanfona, trazendo vários sucessos desse ritmo.

O público teve ainda, a satisfação de apreciar o desfile das escolas de samba. A Cacumbu entrou na avenida com o som animado de sua 

IMG 20180128 WA0055

bateria e homenageando o bailarino Geraldo Pontes que embelezou o circuito com o azul de sua fantasia. Várias apresentações culturais também fizeram parte da festa e, na sequência, foi a vez do bloco Meu no Seu com o novo ritmo entre os baianos a 'Chorência', comandado por Carlinhos Caiçara. A Rural Elétrica tr

ouxe antigos clássicos carnavalescos na voz de Rogério Leal. O pagode de Psirico arrastou a multidão, e o swing de Mateus Torres finalizou o segundo dia de folia no circuito.

O folião Edmundo Fernandes Sampaio, falou sobre o carnaval da cidade.  “Sou Juazeirense e sempre venho para o carnaval. Eu acho que esse ano, as atrações foram acertadas novamente no circuito Ivete Sangalo, porque aqui é um circuito tradicional. Acho interessante outros polos, atendendo públicos diversos. Carnaval é algo que tem que ser democrático e o de Juazeiro está sendo e eu estou adorando”, disse bastante animado.

Oportunidades

O carnaval de Juazeiro movimenta o turismo regional e a economia e, para Thiago Melo da Silva, 28 anos, é uma ótima oportunidade de renda. “Eu sou de Feira de Santana, é a quinta vez que venho trabalhar como vendedor de pipocas durante o a carnaval. É uma boa oportunidade para ganhar dinheiro. O carnaval é importante tanto para os foliões quanto para quem está trabalhando” disse.

A dona de casa Maria do Rosário também viu no Carnaval uma possibilidade de renda extra. “Fiquei sabendo do programa social Recicla Mais no ano passado, me inscrevi, trabalhei e o dinheiro me ajudou. Esse ano é a segunda vez que trabalho com produtos recicláveis durante o carnaval”, enfatizou.

O carnaval de Juazeiro conta com o trabalho de várias secretarias nos circuitos, entre elas a de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (SEMAURB), que durante os três dias de folia realiza fiscalização de comércio de ambulantes irregulares.

 

Por Jaislane Ribeiro/foto: Divulgação

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar