Hospital Regional de Juazeiro realiza cirurgias por vídeoparoscopia

Ligado . Publicado em Juazeiro

hrj211O Hospital Regional de Juazeiro (BA) inova e está realizando cirurgias por vídeoparoscopia. Um método moderno que traz vários benefícios ao paciente em relação ao procedimento tradicional.

A vídeolaparoscopia ginecológica, popularmente chamada de laparoscopia, é uma cirurgia minimamente invasiva que tem como objetivo diagnosticar e tratar doenças que acometem a região abdominal. A operação é realizada em ambiente hospitalar, por meio da introdução de uma pequena câmera através da cavidade pélvica, sem a necessidade de grandes cortes externos na pele.

Habitualmente são realizadas duas pequenas incisões na região inguinal (na altura da virilha) e uma incisão na região umbilical. A micro câmera incorporada no equipamento permite que o especialista tenha uma visão ampla e profunda da cavidade, avaliando em grande aumento e com alta definição os órgãos e tecidos internos.

Neste sábado (03), médicos do Hospital Regional participaram de um mutirão, onde realizaram vários procedimentos por vídeolaparoscopia.

Moradora do Distrito de Juremal, zona rural de Juazeiro, Nadja Santana, procurou o hospital quando soube do mutirão. “Quando soube do mutirão vim imediatamente, recebi todas as orientações, realizei exames e estou muito satisfeita e feliz porque vai agilizar minha cirurgia e de outros pacientes que necessitam” disse ela.

Outra paciente atendida neste sábado, Alaíde Alves, do município de Petrolina (PE), avaliou o atendimento como positivo. “Ontem estive aqui no HRJ para realizar uma consulta de rotrevisão  e nem esperava que seria marcada minha cirurgia para hoje; quando recebi a notícia não acreditei que minha espera, acabaria. Esse mutirão é excelente porque beneficia muitos pacientes e acaba com a fila dos que aguardam a um tempo”, disse a paciente.

Utilizando-se da vídeolaparoscopia é possível realizar cirurgias mais minuciosas e detalhadas, sendo essas as vantagens estabelecidas pelos especialistas. Já para as pacientes, os maiores benefícios são: recuperação pós-operatória mais rápida, menor trauma na parede abdominal, menor risco de infecção, cicatrização menos evidente, menor custo com medicações, maior garantia e segurança na eficácia do diagnóstico e tratamento.

Para a direção do Hospital Regional, o serviço por vídeo para a realização das cirurgias, melhora o atendimento do hospital na busca por melhor qualidade dos serviços aos usuários.